Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

{sobre ganhar o mundo e devaneios matinais...}

Fatos incomuns me ocorrem de vez em sempre: Hoje mesmo, mal pude compreeender... Acordei, levantei da cama num rompante e, não pude deixar de sonhar. Fui tomada de pequenas sensações tão reais... E ao invés de estranhar os devaneios matinais, optei por apaixonar-me por eles. Vislumbrei a vida por um instante. Lembrei-me das conversas com uma amiga: "Alvares de Azevedo aos vinte já tinha escrito Noites na Taverna! E eu, o que fiz?". Sorri. Ânsia engraçada esta de querer se apropriar do mundo todo. Ânsia engraçada esta de reconhecer que na vida não cabem estreitezas... Então, notei: O que fiz é o que sou a cada dia. As pessoas que me são caras, os momentos que amanhã serão memórias, a batalha diária que alimenta os sonhos, as palavras que podem mudar um dia, uma vida... Os sorrisos, as pequenas simplicidades, as surpresas... Até mesmo os problemas e os defeitos são o que fiz, não são? A vida é rara, uma só e exatamente como tem de ser: diariamente especial. Vou ganhar o mundo sim.…